Aquisição do Prédio Urbano sito na Rua do Relógio

Na reunião de executivo municipal de 17 de março, os Vereadores do PS, sobre o ponto a conhecimento da aquisição de um prédio urbano na Rua do Relógio, fizeram a seguinte intervenção:


«Registamos a compra e registamos que, em final de mandato, continua a dizer o que há dois mandatos diz “a câmara pretende implementar uma política municipal de habitação, contribuindo para o desenvolvimento social e habitacional do Município”.

Pretende quando? No último mês do mandato? E o regulamento, cuja elaboração foi prometida e dada como garantida este mandato? Está junto do Código de Procedimento Regulamentar, também prometido desde 2015? A população, nomeadamente jovem e de baixos rendimentos, terá de esperar. Não tem sido prioritário.


Como é que a Câmara ainda não entendeu que para fixar os jovens no concelho tem de discriminar rendas? É que se forem trabalhar para Lisboa provavelmente com as rendas que vão ali pagar ficarão com menos rendimento disponível até ao fim do mês. Para que esta situação de fixação aconteça, é necessário que a Câmara avance com uma política concreta de habitação e para que ela possa ser exequível, a começar pelo Regulamento Municipal de Habitação.»


94 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo